Se você é fã do jogo de tabuleiro War, está na hora de jogar estes jogos

Jogo de tabuleiro war

Um dos primeiros jogos de tabuleiro que eu gostei muito muito foi o War, há uns 20 anos atrás. Mas com o passar do tempo eu fui experimentando jogos novos e fui vendo como o War tem vários problemas que o tornam um jogo bem menos legal do que eu achava.

Nestas últimas décadas os jogos de tabuleiro avançaram muito. Os designers de jogos puderam olhar para os jogos do passado, aproveitar as partes boas deles enquanto resolvem as partes ruins. Disso surgiram jogos de tabuleiro com algumas mecânicas semelhantes, mas que são melhores que o clássico da nossa infância.

Eu vou explicar o que tem de errado com nosso famoso War, e que jogos modernos eu recomendo pra quem gosta de conquistar territórios.

Os problemas do War

War é um jogo antigo, uma cópia na cara de pau das regras do jogo Risk, com pequenas variações. Mas como a gente não tinha o Risk por aqui, achávamos que ele era original.

Mas não é isso que torna ele fraco pros dias de hoje. War tem vários problemas que a gente não sabia perceber na nossa infância.

Dados, dados, dados

Todo conflito no War é resolvido nos dados. Dados criam uma certa emoção, mas eles também fazem com que o jogo dependa demais da sorte.

Um problema grave no War é que você pode fazer uma estratégia fantástica, chegar com 15 exércitos pra tomar um território com apenas 3, e mesmo assim perder ataque após ataque até acabar com todos os seus exércitos, só por causa dos dados.

E não tem nada que você possa fazer contra isso.

A sorte nos dados é mais importante que qualquer estratégia que você faça. Sua vitória ou derrota depende deles. O jogo não oferece nenhum mecanismo pra amenizar o resultado de muita sorte ou muito azar.

Jogo de tabuleiro war

Uns objetivos são muito mais fáceis que os outros

Outro ponto no War é que a dificuldade não é a mesma pra todo mundo.

Você pode dar o azar de começar com seus exércitos concentrados num canto do mapa e o objetivo de conquistar vários continentes do outro lado do mundo. Enquanto isso, outro jogador pode conquistar algum objetivo muito fácil como conquistar alguns territórios quaisquer ou eliminar um jogador iniciante.

Quando eu jogava War, a gente tirava alguns objetivos do jogo por serem muito fáceis. Mas se quiser seguir as regras, não tem nada que você possa fazer pra compensar a desvantagem dos objetivos.

O jogo demora muito, muito, muito

Jogos funcionam melhor se puderem ser jogados em até 2 horas. Aí, se tiver tempo sobrando, você vai e jogar outra partida.

Eu não tenho nada contra jogos longos, mas eu acho que o jogo tem que ser emocionante do começo ao fim. Um problema de jogos antigos é que eles eram longos, mas com muitos momentos mais tediosos no meio.

War é um desses jogos que demora muito. E mesmo quando já está óbvio que alguém vai ganhar e ninguém pode derrotá-lo (com exceção da sorte), o jogo ainda pode demorar até terminar.

Eu não estou dizendo que War é ruim. Tenho ótimas lembranças de tardes na casa dos meus primos jogando War. Mas os jogos que vieram depois dele puderam aproveitar o que ele fez de bom, enquanto corrigiam o que ele fez de ruim. Então, em comparação, hoje em dia é um jogo abaixo da média.

Os jogos modernos

A coisa que eu mais adorava em War era ir conquistando territórios. O prazer de tomar eles pra mim e ver minha cor ir se expandindo pelo mapa.

Essa mecânica é chamada de Area Control, ou controle de área.

Existem muitos outros jogos de tabuleiro com controle de área. Uns lembram mais o War, outros nem tanto. Mas eu adoro todos eles.

Então aqui fica minha recomendação de três excelentes jogos de tabuleiro pra quem gosta de War. Note que uns tem mais a ver com War, e outros tem menos. Minha proposta é variar um pouco nas propostas dos jogos.

small-world

Jogo #1 – Small World

Imagine um jogo parecido com War, mas num mundo de fantasia. Esqueletos, orcs, vampiros, todos brigando num mapa bem bonito e colorido.

Agora imagine que esse jogo resolve muitos problemas que eu citei acima.

War tem muita sorte? Em Small World você resolve tudo sem dados! Os objetivos de War são muito diferentes em dificuldade? Em Small World você ganha por pontos ao conquistar e manter territórios.

Mas sabe o que é mais maneiro? Quando seu exército fica muito fraco você pode abandonar ele e trazer um novo exército (de uma nova raça de fantasia) com força total.

game of thrones

Jogo #2 – Game of Thrones: The Board Game

Realista não é uma palavra que muita gente associaria a um mundo de fantasia, mas eu diria que Game of Thrones é uma versão mais realista de War.

Este jogo vai muito além de simplesmente conquista de território. Ele também incorpora formas de representar seu poder político no continente, ou a necessidade de territórios que produzem alimentos para manter suas tropas.

E suas ações não se resumem a atacar ou não. Você pode mandar um território se defender, pra ficar mais difícil de ser atacado; ou dar suporte a um outro combate próximo.

E todo o combate é resolvido com ZERO de aleatoriedade, dependendo inteiramente da sua estratégia e capacidade de prever as ações dos outros jogadores.

De todos os jogos daqui desta lista, este é o que mais recomendo pra quem quer um simulador de combate continental mais complexo e estratégico que War.

kemet

Jogo #3 – Kemet

Em Kemet a parada é controlar exércitos egípcios. E este jogo foge bastante da proposta de realismo de outros jogos.

Aqui você pode também usar os poderes e exércitos dos deuses para massacrar seus inimigos.

Uma coisa interessante é que o jogo tem momentos de dia e de noite, e os templos te permitem conseguir favores dos deuses, na forma de intervenções divinas.

Kemet é um jogo que já começa frenético. War e Game of Thrones começam mais devagar enquanto você se desenvolve no tabuleiro. Já neste jogo tem opções como teletransporte pra você já cruzar o tabuleiro e cair na porrada com outro jogador desde o começo.

Apesar de Small World ter algumas coisas fantásticas, Kemet é o jogo que foge mais do War. Mas mesmo assim é um jogo muito divertido que merece uma chance de estar na sua prateleira.

Conclusão

War teve sua época. Ele foi um jogo divertido que introduziu muita gente ao mundo dos jogos de tabuleiro, mas o mundo seguiu adiante.

Existem vários outros jogos mais modernos que levem a ideia de Controle de Área a novos patamares.

Além dos três jogos que recomendei acima, ainda posso citar outros bons que incluem essa mecânica, como Dominant Species, Chaos In The Old World, War of the Ring, Runewars e Twilight Struggle.

Tem algum outro jogo de tabuleiro que merecia estar nesta lista como substituto do War?

Readers Comments (6)

  1. Herman Bernardo Viana 20 de fevereiro de 2017 @ 18:03

    Criei o WAR-3 Basicamente é o WAR-2 (aviões) com a Edição Especial (Tanques) utilizando as cartas do WAR-Cards, principalmente as cartas ESPECIAIS. Ficou realmente muito bom mas devido a algumas adaptações precisei criar dados específicos colando desenhos nos dados normais. Acrescentei os Homens Bomba também para um pouco mais de inimizade sadia hahaha.

    Responder
  2. eu uso war até hoje como base de jogo, mas com regras totalmente alteradas e personalizadas.
    regras comuns não tem graça mais mesmo

    Responder

Deixe uma resposta